17 de nov de 2008

a ilha da ilusão

Expectativa. Chuva. Doguitos. Trabalha, trabalha, trabalha. Barca. montar barraca na chuva. frio.
abertura do evento. Sol. Mais sol.
Finalmente descubro que existo por atrás da calça Jeans. Tenho pernas.
Daí pra frente uma maravilha seguida da outra. Conhecer pessoas. Muitas pessoas.
Descobri que quanto mais ao sul do país mais bonitas as pessoas são. Não que o norte não ofereça coisas lindas também.
Descobri que posso viver sem celular, MP3, PC, TV, e luz na barraca. hihihihi
Me senti uma criança fazendo castelinho de areia, foi tão divertido! Conheci cada vez mais pessoas, era tão legal!!
Coloquei meu pijama e fui festa. Tão legal. Fim de noite, rodinha de violão na praia, sem comentários, parecia sonho.
Fui ver outra parte da ilha. Caminhei muito, e minhas pernas nem doeram. Fui no farol. Subi aquela escadaria e foi lindo. Cada degrau me tirava um pecado, me levara uma dor, me transportava pra outro mundo. Enfrentei meu medo de altura, subi na pedra mais alta (pra te enxergar sorrindo da pedra mais alta), e como era lindo. Dali eu via a ilha inteira. Tive medo de descer a escadaria e ela me devolver tudo que arrancou de mim. Não devolveu.
Depois de tanto tempo entrei de novo no mar. Lembrei que tinha medo, mas e daí? Deixei o mar lavar minha alma.
Camarão com cerveja, lembrei do meu pai.
Na barca de volta pro nosso lado da ilha, observando a paisagem, pensei que poderia morrer ali. Morreria feliz.
Ganhei muitos cruzeiros. hihihi
Conversa no convés. Esperando o por do sol. Coisa linda.
Festa de novo. Tava legal. Mas o cansaço do passeio da tarde tava me destruindo.
Conhecimento é sempre bem vindo. Sempre.
Testei meu equilíbrio, até que não é tão ruim. Testei todos os meus sentidos, isso eu preciso praticar.
A última noite. Cheia de emoções. Primeiro, a maravilha, quem é foda é foda e vice versa. Depois, segundo palavras que nãosão minhas "final de libertadores". E depois a última festa.
Não dava pra acreditar que estava tudo acabando. Não aproveitei tanto quanto queria. Mas o tanto que aproveitei valeu já. O que vi, os amigos que fiz, tudo de tudo de tudo. São coisas das quais não me esquecerei tão cedo. Algumas coisas pretendo não esquecer nunca.
Um grande abraço para meus novos amiguinhos, Kadu, DaCas, Marcos, Metal, Jhony (Emanuel), Caio e todos os outros...
Aos meus amigos lindos da CORDE, Tais, Murilo, Carol, Isa, Johana, Ramon, Kzau, etc... Parabéns... Vcs se esforçaram muito e o evento foi muito bom... o esforço de cada um valeu a pena... vcs merecem todo o reconhecimento do mundo.... estou mega orgulhosa de vcs!!!
Ano que vem, Santa Maria e o Design Cruzado. Já vou guardando minhas moedinhas.
hihihihihihih

Trilha sonora...
"tira a calça jeans bota outra calça jeans, moema vc tem duas calças jeans"
"Eu já falei, vou repetir! eu já falei, vou repetir! eu já falei vou repetir!"
e mais... hehehe

Depressão pós R Fudidaaaaaaa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

desabafa vai!!!